sábado, 23 de janeiro de 2010

o poema
é aquilo
que capta na alma
o antes vestido de depois
falando de futuro daqui a pouco nascendo no agora

Nenhum comentário:

Postar um comentário

i Sem PingOS