terça-feira, 26 de janeiro de 2010

vício pela escrita
vício pelo café
cigarros
e também balançar os pés
vício por drummond e pedrosa
pela falta que não me fazes
isso de criar estende-se    dura um dia e mais outro
os vícios me acompanham, os nomes que amo mudam, só as coisas permanecem as mesmas. nao muda, as dores nao mudam de lugar, tento em vão mudar tudo que posso, cabelo, roupas, ideias, palavras, pra mudar

o que só quero que seja diferente. sei la porque, mas preciso quase sempre que as coisas sejam diferentes, ate mesmo as respostas, as pessoas, e quando posso até meus sentimentos, preciso sentir que as coisas se transformam, que existe essa dinamica,  que o mundo nao eh uma caixa morta onde tudo ja aconteceu outra vez...

tem um cachorro babando no meu chinelo, é, talvez as coisas não sejam exatamente mais as mesmas. o gato. do gato eu sinto falta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

i Sem PingOS