segunda-feira, 19 de abril de 2010

poesia para um boe#

a poesia me salvará
Pkna_Imperatriz dit :
*dos dias
*e das noites
*das grandes vagas
*de nenhuns instantes
*a poesia me salvará
*no cordão da calçada
*no relógio
*no sonho
*no método e na estrada
*a poesia me salvará
*me dará asas
*verei o céu do alto
*e o mundo imenso carcomido de asfalto
*a poesia me salvará naquele instante
*em que o estomago encolhe
*as pernas fraquejam,
o corpo sua
*as vozes somem
*na luz que se vai
*no escuro que permuta
*a poesia me salvará nessa e em qualquer outra curva
*deixe ao homem a linguagem
*a fome aos que comem
*o amor aos que abraçam o pranto
*a poesia me salvará dessa e de outra miséria
*pois será meu prato e minha sede
*a poesia, o mundo, o homem, o outro, imenso gigante, eterno pequeno infante
*a poesia me dará no tudo
*o nada que não posso abarcar

Um comentário:

  1. Inacreditável como essa 'brincadeira' de escrever parte do que esta aqui dentro de mim tem me feito bem!
    Pequenas palavras, linhas, textos e pontos....

    bjos minha querida!

    ResponderExcluir

i Sem PingOS