quinta-feira, 25 de novembro de 2010




Me faz uma falta esse teu não espaço, mas me enche de contentamento aqueles que tu preenche tão bem...

a escrita viceja

nos desertos literários



Nenhum comentário:

Postar um comentário