terça-feira, 2 de agosto de 2011

Haverá hora mais bela

do que essa,                        
em que entregue como um deus

eu possa sonhar como homem?

Nenhum comentário:

Postar um comentário